HP News - Hipnose ao pé do ouvido!

O HP News é um podcast sucinto, objetivo e com episódios relativamente curtos, onde Samej Spenser e Marcos Phill, (juntos e/ou separados), abordam questões, temas e assuntos pertinentes ao estudo e à prática da (auto-)hipnose.

Contatos e Redes Sociais 

 
E-mail: hpratica@gmail.com

Facebook: https://web.facebook.com/HPnewsPodcast

Instagram: https://instagram.com/HPnewsPodcast

Medium: https://medium.com/hipnose-pratica

Telegram: https://t.me/HPnews

Twitter: https://twitter.com/HPnewsPodcast

WhatsApp: http://bit.ly/SS-WA

 

COLABORAÇÃO RECORRENTE 

Agora, você pode demonstrar todo seu carinho e apoiar o HP News mensalmente, através da colaboração recorrente no Apoia.se e/ou no PicPay. Inicialmente, faremos um período de teste onde o valor é de apenas R$5,00!

Apoiando o HP News, você proporciona-nos mais e/ou melhores condições para que mantenhamos este trabalho, conseguindo equipamentos de melhor qualidade para a gravação, edição e publicação, (além dos custos atuais que temos para manter o HP News no ar); e tudo isso resulta em mais conteúdo, (com mais e/ou maior frequência), acesso ao grupo privado no Telegram e alguns outros benefícios que serão discutidos previamente entre os apoiadores no grupo privado!

Para colaborar, basta visitar os sites:

https://picpay.me/HPnews

https://apoia.se/HPnews

 

Saúde, Saúde Alternativa e Autoajuda

Assine:

Ver todos episódios

011 - Pesquisa científica aprova a efetividade da Hipnoterapia

Pesquisa científica aprova a efetividade da Hipnoterapia

 
Arte: Fabio Franzoni
A maioria dos hipnólogos, hipnotizadores e hipnoterapeutas quando perguntados e/ou questionados sobre os resultados da hipnose, costumam apresentar o resumo de uma pesquisa de 1970, de autoria do psicólogo americano, Dr. Alfred A. Barrios, mas sempre de forma muito resumida:

  • Psicanálise: 38% de recuperação após 600 sessões (cerca de 11 anos e meio);
  • Comportamental: 72% de recuperação após 22 sessões (cerca de 6 meses);
  • Hipnoterapia: 93% de recuperação (cerca de 1 mês e meio).
Em contrapartida, eu havia tido acesso à pesquisa na íntegra apenas uma vez, anos atrás, e em inglês. E de uns tempos pra cá, senti vontade de conferir os detalhes dessa pesquisa. Ao buscar por resultados de traduções, encontrei apenas uma t̶r̶a̶i̶ç̶ã̶o̶ tradução, que me desagradou, pois a impressão que tive foi que colaram o texto no Google Tradutor e copiaram o resultado e pronto. Se foi isso mesmo, não sei.

Decidi então utilizar meu parco conhecimento da língua inglesa e, aliado ao Google Tradutor, procurei deixar o texto o mais compreensível que pude. Espero que gostem, e que o mesmo lhes esclareça muito mais que apenas a breve parcela da pesquisa que costuma ser utilizada!
Este artigo que lhes trago hoje foi originalmente publicado em PSICOTERAPIA: Teoria, pesquisa e prática, (primavera de 1970).

Confira a transcrição deste episódio aqui neste link! 😉

 

CRÉDITOS

 


Contatos e Redes Sociais

E-mailFacebookInstagramMediumTelegramTwitterWhatsApp

 

Megafono